Páginas

domingo, 29 de novembro de 2009

UNA PRECE COTIDIANA...


"Aquele que ama a Deus o roga pelos seus pecados, acautela-se para não cometê-los no porvir. Ele é ouvido em sua prece cotidiana." Eclesiastico Cap. 3 verso 4

Uma prece cotidiana...
uma simples prece, um tempo para conversar com Deus, colocar-se em atitude de humildade diante do Criador, tudo tão simples, o falar, o pedir e o agradecer.
Mesmo assim, muitas vezes não temos tempo, e a nossa boca silencia...

As vezes é preciso vir a dor, o medo, a coisa ruim para despertar o desejo de abandonar-se ao Pai, ainda assim, oramos apenas para pedir, para fazer uma promessa tentando remediar, o que já está com problema...
É o buscar a Deus como última opção, como um verdadeiro milagre.

Uma prece cotidiana!
Tão simples... nada mais!

Tenha tempo para Deus, para conversar com Ele, falar de você, dos seus sonhos, dos anseios, e quem sabe agradecer o dia, a saúde, o amor, pais, filhos, a ausência de um acidente.
Agradecer por não ter nada que pedir, pedir por necessidade de agradecer.

Uma prece cotidiana!
Simples, como a rosa que se abre, como o orvalho da manhã.
Lembrar-se de quem nunca esquece de você, de quem está ao longe gritando para você perceber, o quanto você é importante para Deus.
Paulo Roberto Gaefke

sexta-feira, 27 de novembro de 2009

MEDO DE AMAR...


Medo de amar? Parece absurdo, com tantos outros medos que temos que enfrentar: medo da violência, medo da inadimplência, e a não menos temida solidão, que é o que nos faz buscar relacionamentos.
Mas absurdo ou não, o medo de amar se instala entre as nossas vértebras e a gente sabe por quê.
O amor, tão nobre, tão denso, tão intenso, acaba.
Rasga a gente por dentro, faz um corte profundo que vai do peito até a virilha, o amor se encerra bruscamente porque de repente uma terceira pessoa surgiu ou simplesmente porque não há mais interesse ou atração, sei lá, vá saber o que interrompe um sentimento, é mistério indecifrável. Mas o amor termina, mal-agradecido, termina, e termina só de um lado, nunca se encerra em dois corações ao mesmo tempo, desacelera um antes do outro, e vai um pouco de dor pra cada canto.
Dói em quem tomou a iniciativa de romper, porque romper não é fácil, quebrar rotinas é sempre traumático.
Além do amor existe a amizade que permanece e a presença com que se acostuma, romper um amor não é bobagem, é fato de grande responsabilidade, é uma ferida que se abre no corpo do outro, no afeto do outro, e em si próprio, ainda que com menos gravidade.
E ter o amor rejeitado, nem se fala, é fratura exposta, definhamos em público, encolhemos a alma, quase desejamos uma violência qualquer vinda da rua para esquecermos dessa violência vinda do tempo gasto e vivido, esse assalto em que nos roubaram tudo, o amor e o que vem com ele, confiança e estabilidade.
Sem o amor, nada resta, a crença se desfaz, o romantismo perde o sentido, músicas idiotas nos fazem chorar dentro do carro.
Passa a dor do amor, vem a trégua, o coração limpo de novo, os olhos novamente secos, a boca vazia.
Nada de bom está acontecendo, mas também nada de ruim. Um novo amor? Nem pensar. Medo, respondemos.
Que corajosos somos nós, que apesar de um medo tão justificado, amamos outra vez e todas as vezes que o amor nos chama, fingindo um pouco de resistência mas sabendo que para sempre é impossível recusá-lo.

Martha Medeiros

O ABENÇOADO...


Abençoado é aquele que sabe perdoar, que aprendeu que o ódio é o inverso de amar, é uma forma estranha de querer, de desejar, que só faz mal para quem o cultivar.

Abençoado é aquele que sabe falar.
Sabe que as palavras tem força, constróem pontes, ligam um desejo até a realização, pegam na alma, afetam o coração.
Por isso é importante, selecionar as palavras, como se estivessem num cesto, num balaio de amor, evitam problemas e não causam dor.

Abençoado é o que sabe amparar, aquele que não espera nada em troca.
Socorre sem perguntar, recolhe os aflitos.
Tem o coração tocado pela centelha divina, é anjo sem asas, carregam o amor na retina.

Abençoado é aquele que sabe agradecer.
Agradece o pão, seja ele fresco ou já endurecido.
Sabe atravessar os lugares bonitos, e não vai se perder no deserto, porque sonha, trabalha, confia, segue adiante.
O que agradece não se detém, porque não espera só o que lhe convém, antes, abre as mãos para servir, e quem serve, um dia será servido.

Abençoado é você, que já aprendeu;
que a maior força é a gentileza, é o carinho, frutos maduros de um sentimento maior, que não se desespera, nem reclama da dor, espera pacientemente, porque é o Amor.
Abençoe o dia, a vida e a família, Deus que tudo vê, saberá te abençoar, o resto é resto, e vai passar.

Paulo Roberto Gaefke

quinta-feira, 26 de novembro de 2009

UM SEGUNDO...


Há uma luta dentro de cada ser humano, onde o bem e o mal convivem em paralelo.
De um lado, as facilidades da vida, do outro, as batalhas, as conquistas suadas.
O que hoje parece tão simples, tão bom, como um "empréstimo bancário salvador", pode se tornar o seu pior tormento em pouco tempo.

Todos os dias, o dia se apresenta com algum problema, como numa corrida de dificuldades de um programa de TV,
com uma diferença: é a sua vida que está em jogo.
Por isso, antes de tomar qualquer decisão, antes de gritar, antes de reclamar de qualquer coisa, pare e pense.

Sei que a velocidade das informações nos obrigam a correr, sei que as pessoas não tem mais paciência, esperam sempre mais e mais de cada um de nós, mas, algo muito importante vai ser decidido nos próximos segundos, é o seu bem estar, é a sua paz, a sua felicidade, se isso não valer nada pra você, procure ajuda!

É preciso encontrar um tempo para pensar, conversar com as pessoas, ouvir.
Ah! como faz falta no mundo os que sabem ouvir.
Porque os que falam demais estão em todos os lugares.
Parece que nascemos com 2 bocas e apenas uma orelha.
É preciso ouvir, digerir as informações, e só assim, tomar atitudes, que mesmo assim, poderão dar em nada, ou resultar em fracasso, mas com certeza, as chances de errar, serão menores.

Pense!
Um segundo a mais e você vai se livrar de uma briga, um segundo a mais e você vai perpetuar o relacionamento,
um segundo a mais e você não vai perder um amigo, um segundo a mais e sua vida vai valer ouro!
Um segundo a mais, e você poderá ouvir Deus!
Tem um segundo disponível?

Paulo Roberto Gaefke

terça-feira, 24 de novembro de 2009

IL DIVO & CELINE DION - I BELIEVE IN YOU

A VERDADE ABSOLUTA...


A verdade absoluta é o retrato de um momento, de um determinado indivíduo diante de uma determinada situação.
Verdade que pode ser alterada por uma descoberta, uma revelação.
Então, é preciso cuidado para afirmar que nunca mais vai fazer isso ou aquilo.

É preciso mais cuidado ainda, ao imputar uma culpa a alguém,
ainda mais nos tempos atuais, onde as notícias circulam tão rápido, e muitas vezes não são checadas, verificadas.
As notícias dramáticas, saem na primeira página,
o pedido de desculpas, ou confirmação de um erro, saem no caderno B, onde quase ninguém lê.
O recado é simples:
preste atenção ao contexto! Analise toda a situação, antes de dar o seu veredito.
Não espalhe o que você não sabe,
não ensine o caminho errado, não fale do que não conhece profundamente.
Ouvir é sinal de humildade,
refletir antes de falar, sinal de sabedoria.
Calar-se, quase sempre é sinal de respeito.

Uma palavra pode ser uma faca afiada, que machuca,
ou uma pluma que acaricia, uma mão que levanta.
Deixo-vos então, as palavras de um verdadeiro Mestre:
"Não julgueis e não sereis julgados; não condeneis e não sereis condenados; perdoai e sereis perdoados"
Jesus (Lucas 6,37). Paulo Roberto Gaefke

ANTÍDOTO...


Contra um mau pensamento; uma dúzia de bons desejos.
Contra a inveja; mais trabalho.

Contra a crise; criatividade.

Contra o desânimo; perseverança.

Contra o ódio; mais amor.

Contra a incerteza; uma decisão.

Contra o descrédito; firmeza.

Contra a doença; repouso e cuidados.

Contra a infidelidade; serenidade.

Contra as dívidas; planejamento.

Contra o passado; visões do futuro.

Contra a solidão; solidariedade.

Contra a fome; misericórdia.

Contra tudo; a fé absoluta.

Contra você; nem pensar!

Seja a favor dos ventos, dá menos trabalho!

A favor da vida, a favor dos amigos,
a favor da família, a favor da unidade, a favor dos bons motivos, a favor do bem.
Assim, a vida, que ouve atentamente nossos desejos,
responde com o florescimento dos frutos que você plantou.
Nada mais, nem menos, do que o florescer das suas sementes.

Se você plantar boas coisas, vai ter uma excelente colheita.

Se plantou sementes com problemas, vai colher frutos doentes.

Contra o dia de ontem, o dia de hoje.

Tudo pode recomeçar, tudo pode ser feito de novo,
sem os defeitos do ontem, com a esperança do amanhã, que com certeza, será um lindo dia, cheio de paz e harmonia.
“Porque do Sol, você é o calor, da chuva, o alimento que irriga a terra, de Deus, a esperança de dias melhores.
Voe! Voe alto, o destino é você quem faz.
Escolha certo e conquiste!

Paulo Roberto GaefKe

TRANSFORMAR...


Se a lágrima insiste em sair, esvazie-se! Viver o luto, a dor da perda, a incerteza, faz parte da vida.
É uma necessidade básica da alma, e muitos a reprimem.
Querem enfrentar os problemas com mais problemas, armam “pequenas mentiras”, fugas perversas da verdade, que muitas vezes, dói menos que a “mentirinha”.
É tempo de revelações, de energias poderosas,
de forças que cruzam a Terra num vai e vem, e aquele que souber aproveitar, vai transformar: a miséria em riqueza, a dor em amor, a solidão em solidariedade, a ausência em comparecimento, a tristeza, em alegria quase infantil.
O medo será varrido,
o ódio já está banido, a esperança ressurge com força, é tempo de Luz, tempo de sentir e conhecer, Jesus.
Esvazie-se!
deixe espaço para encontrar Jesus.
Deixa Ele te curar, te levantar, dar ânimo, transformar em novas as velhas coisas, e principalmente, deixe espaço para Ele te amar.
Amor assim, você nunca viu,
mas ao sentir, vai descobrir, que tudo começa agora, Na sua certeza, na fé que nos une e transforma, todos os carentes, os sofredores, os angustiados, os que esperam, os humildes e até os poderosos, em uma só família, ao darmos as mãos, saberemos finalmente, que somos todos irmãos.

Paulo Roberto Gaefke

EU ENTENDI...


Eu entendi o recado da vida; eu preciso aprender a ser feliz, a buscar meus objetivos com mais objetivo,ter mais certezas, apesar de tantas dúvidas, ser mais sereno, apesar dessa vontade louca, desse meu pequeno desespero, de não ter tempo, para valorizar os instantes que tenho. Valorizar cada minuto, seguir o vento…

Eu entendi o recado do amor;
e preciso ter tempo para descobrir esse sentimento, esquecer o que é virtual, penetrar no que é real, valorizar meus sentimentos e não desperdiçá-los, com quem não tá nem ai, quem brinca comigo.
E no espaço desse aprendizado, vou me encontrar, na busca por você, na sede prazerosa de amar.

Eu entendi o recado da felicidade;
e preciso aproveitar cada momento e gravá-lo na alma.
Deletar os maus pensamentos, os maus momentos, trocando pelas pequenas alegrias, e como quem tece uma colcha, fazer delas, uma rede imensa que nem o tempo, nem a idade, conseguirão apagar, e assim, “felicidade será eternidade em mim”.

Eu entendi que amar é respeitar a minha individualidade, que a vida pode ser cada dia mais bonita, pois é o reflexo do que eu penso, faço e acho, e eu agora acredito que tudo prospera e coopera, para a minha felicidade, e eu tenho essa certeza que diz:hoje eu sou muito mais feliz!

Paulo Roberto Gaefke

sexta-feira, 13 de novembro de 2009

COISAS QUE EU NÃO ENTENDO...


Coisas que eu não consigo entender:

Se o Brasil é um país tropical, com sol (quase) o ano todo,
porque tem gente que insiste em usar máquina de bronzear artificial, mesmo sabendo dos riscos de câncer de pele?
Por que fumamos se sabemos que o cigarro vai nos matar?
Por que bebemos e dirigimos colocando em risco a nossa vida e a de terceiros, mesmo sabendo que não sabemos o que estamos fazendo?
Por que insistimos em relacionamentos complicados, que machucam, mesmo sabendo que o futuro é não ter futuro?
Por que trabalhamos como loucos, chegando a estafa,
com a desculpa de garantir um futuro que pode nem chegar?
Por que brigamos sempre com as mesmas pessoas,
já sabendo o que podemos evitar?
Por que gastamos além do que ganhamos?
Por que insistimos em aparentar o que não somos, o que não temos?
Por que crucificamos Cristo, desprezamos Gandhi, não valorizamos Buda, por que cada um quer um deus, mesmo afirmando que só há um Deus?
Por que só damos valor quando perdemos?
Será que somos masoquistas?
Será que a raça humana é uma experiência que ainda não deu certo?
Que caminho é esse que percorremos?
Homens medievais ainda vivem entre nós, com sede de sangue, com ganância pelo poder.
Mentirosos, sujos, falsos, traidores, escórias do mundo que ainda vagam por aqui, e pior, deixam marcas profundas...
É tempo de reflexão!
De escolhas.
O que você tanto deseja?
Por que não tem paz?
O que te falta?
Será que não estamos vivendo por viver, buscando o inatingível?
Que a felicidade é a simplicidade do dia, que o bom não é a sandália de luxo, mas os pés afundando na areia...
que melhor que o carro de luxo é poder andar e não se cansar, que melhor que festa de casamento luxuosa, é relacionamento eterno, como eterno é o meu sentimento pelo mundo, sentimento de gratidão.
Estamos na Escola da Vida, que a sua aula seja maravilhosa e que você passe de ano com louvor!

Paulo Roberto Gaefke

quarta-feira, 11 de novembro de 2009

ARRUME TEMPO PARA SER FELIZ...


Arrume tempo para ser feliz.
é fundamental que você não repare apenas nas flores, mas tenha tempo para cheirar seus odores e apreciar suas cores, e principalmente, disponha de tempo para oferecer uma flor para alguém.

Arrume tempo para a boa musica..
é fundamental que você ouça uma boa música, mas é mais importante ainda, deixar que a música limpe a sua alma, que ela penetre no seu ser e que você viva cada nota.

Arrume tempo para relaxar.
Tenha tempo para se deixar levar pelas coisas simples da vida, como meditar, orar, emocionar se, brincar no parque, andar de patins, de bicicleta ou simplesmente não fazer nada...

Arrume tempo para uma viagem.
Pode ser uma viagem curta, ou longa, tudo depende de sua disposição, tempo e dinheiro, mas o mais importante é ter tempo para curtir a paisagem e não ficar esperando apenas pela chegada ao local.

Arrume tempo para uma boa leitura.
Leia um livro, mas tenha tempo para ler e viajar com os personagens, onde a emoção puder te levar.

Arrume tempo para organizar-se.
É fundamental ter tempo para organizar as suas coisas, mas é fundamental ter um tempo para organizar as suas idéias, seus desejos e reciclar os sonhos. Sonhos parados são como água estagnada, criam bichos e doenças.

Arrume tempo para a família.
É fundamental criar filhos, namorar (mesmo depois de 30 anos de casados), bater papo com os pais, com os irmãos, com os amigos mais próximos, mas é muito importante que você não guarde mágoas, por isso, a conversa ainda é a melhor resposta contra as dúvidas, dores e separações.

Arrume tempo para Deus.
É fundamental contar com Deus.
Seja qual for a sua crença, seja qual for a sua religião, sem Deus é impossível ser plenamente feliz. Quanto tempo de sua vida é dedicado a Ele? Quantos minutinhos você dedica a leitura de um salmo, um versículo, uma passagem da Bíblia para meditar e praticar mudanças. Quanto de suas decisões tem a opinião de Deus?

Arrume tempo para o amor.
Ame-se!
Ame muito.
Não se importe com as dores e decepções do amor, mais infeliz é aquele que ainda não viveu um grande amor, e todo amor fica enorme, quando você respeita o sentimento que habita em você e existe para te fazer feliz!

Paulo Roberto Gaefke

terça-feira, 10 de novembro de 2009

LEI DO AMOR...


Quando o amor ainda está mesclado com os impulsos do instinto e do desejo, Nós o encontramos sob o nome de PAIXÃO.

Quando o amor traduz afinidade, Carinho e respeito mútuo, Nós o chamamos de AMIZADE.

Quando o amor resvalar pelos caminhos áridos do ciúmes e da posse, ele aprisiona, e é quando encontramos o APEGO.


Quando o amor liberta, chamamos de RENÚNCIA.


Quando o amor ainda está fechado em si mesmo, Como semente escura e enclausurada, Nós o chamamos de EGOÍSMO.

Quando o amor se expande como um SOL ardente, Em benefício do semelhante, torna-se divino, E o chamamos de CARIDADE.

O ÓDIO é apenas a Ausência do amor, assim Como a sombra é a ausência de luz, ou então...
... é o amor traído e, por isso mesmo, tempestuoso.

O amor é como o sol...
... está por toda a parte.
A diferença está na maneira como o refletimos.

O amor é a força que une os mundos...
até mesmo, mundos tão diferentes, como eu e você...
... está presente nos pequenos seres...
... e até nos recantos mais escondidos do coração.

Quando nos afastamos desse AMOR, Sentimos o frio e a infelicidade na alma.
Essa é a LEI da vida...
Estamos imersos nesse AMOR.
Vivemos dele...
E é para ele o destino de todos nós.

AMAI-VOS, Vós sois amor!


Alexandre Paredes

quinta-feira, 5 de novembro de 2009

TRINDADE...


Enquanto houver luz, persista, e se escurecer, acenda uma vela, resista.
E ao acender a vela, ore, não desista!

É importante aproveitar cada instante para agradecer.
A ferida que ainda não secou, pode ser a salvação, o amor que não deu certo, pode ser uma benção, o emprego que não vingou, pode ser uma oportunidade, outro melhor poderá aparecer, até no mesmo dia...

Então, agradeça!
Carregue no peito esse sentimento de "gratidão", espalhe boas sementes por onde passar, para todos tenha uma palavra de esperança, principalmente na sua casa, principalmente com uma criança.
Seja uma benção onde chegar, e ao sair, nunca esqueça de abençoar.

Abençoe os filhos, o marido, a esposa, os amigos, o emprego, e até qualquer falta.
Por maior que seja a luta, não lhe falte coragem, e agradecendo, a vida devolve com bom ânimo, e o "bom ânimo" é a energia da alegria, e a alegria, a própria vida.

Agradeça, abençoe e tende bom ânimo, nada vai deter a sua vitória, esta é a sua vida, a sua história.
Que assim, seja!
Paulo Roberto Gaefke
Ocorreu um erro neste gadget