Páginas

sexta-feira, 30 de agosto de 2013

...


Se não enxergar a beleza bem abaixo do nariz, verifique acima dele.
Perceberá que coisas comuns, além de lindas, dispensam filtros.

Victor Chaves

...


A melhor meta é a METAmorfose. Quem não quer evoluir, não muda.
Quem não muda, permanece lagarta.


Victor Chaves

VAGA-LUMES E ESTRELAS...

Estrelas, aqueles pontos cadentes inalcançáveis que estão sempre lá, onde não se sabe onde é, mesmo quando não os vemos em tempos nublados. 
As estrelas não vem até nós e, se viessem, não seriam estrelas. 
Assim como a gente não pode se ver por inteiro próximo demais a um espelho, estrelas são feitas para serem vistas de longe. 
Somos estrelas em momentos que nos observamos a uma distância que só o tempo permite. Porque tudo o que vemos de nós mesmos é luz que viaja e já não existe mais. Mas o que se forma em nosso ser, só será estrela quando explodir. E o que explode, perde a existência. 
A imaginação e os sonhos são as estrelas em formação mais latentes de nosso céu encantado. Quando se realizam, podem ser vistos de longe, brilhando em um passado que permanecerá no firmamento longínquo de tudo o que nos trouxe a onde pensamos estar ou ser. 

Vaga-lumes. Eles vem até nós. Brilham em nosso redor e, de repente, se vão, como quem, sem muita satisfação a dar, nos satisfaz a carência do especial com sua rápida e passageira presença. Eles sim, são como o que somos no presente. Hora brilhantes, hora apagados. São mortais e dependentes de um artifício qualquer, quase mágico, para se parecerem com as estrelas. 

Vaga-lumes e estrelas possuem certas distintas diferenças, muito embora se misturem na escuridão de nossa limitada visão das coisas. Os primeiros são vivos, passíveis da morte e logo sucumbem. As estrelas já morreram e permanecem lá, onde ninguém sabe onde, brilhando perenes. 
Perguntei a um vaga-lume o que o faz sentir-se vivo e brilhante. 
Ele disse: o sonho de me tornar uma estrela.

Victor Chaves

...

Inocência é quando se descansa nas mãos do perigo. 
Perigo é quando a ética não serve de base. 
Ética é quando você opta por não fazer o que não gostaria que lhe fizessem. Optar é "não ter que..." "Não ter que..." é a base da ética, onde a inocência pode descansar em paz. Paz é opção! 

Victor Chaves

quarta-feira, 28 de agosto de 2013

CHAMA...

"...se um membro padece todos os membros padecem com ele e se um membro é honrado todos os membros se regozijam com ele." I Coríntios 12:26

Um membro de um determinado grupo ao qual prestava serviços regularmente sem nenhum aviso deixou de participar de suas atividades. 
Após algumas semanas o líder daquele grupo decidiu visitá-lo.

Era uma noite muito fria.

O líder encontrou o homem em casa sozinho sentado diante da lareira onde ardia um fogo brilhante e acolhedor.

Adivinhando a razão da visita o homem deu as boas-vindas ao líder conduziu-o a uma grande cadeira perto da lareira e ficou quieto esperando. 

O líder acomodou-se confortavelmente no local indicado mas não disse nada.

No silêncio sério que se formara apenas contemplava a dança das chamas em torno das achas de lenha que ardiam. 

Ao cabo de alguns minutos o líder examinou as brasas que se formaram e cuidadosamente selecionou uma delas a mais incandescente de todas empurrando-a para o lado.

Voltou então a sentar-se permanecendo silencioso e imóvel.

O anfitrião prestava atenção a tudo fascinado e quieto.

Aos poucos a chama da brasa solitária diminuía até que houve um brilho momentâneo e seu fogo apagou-se de vez.

Em pouco tempo o que antes era uma festa de calor e luz agora não passava de um negro frio e morto pedaço de carvão recoberto de uma espessa camada 
de fuligem acinzentada.

Nenhuma palavra tinha sido dita desde o protocolar cumprimento inicial entre os dois amigos.

O líder antes de se preparar para sair manipulou novamente o carvão frio e inútil colocando-o de volta no meio do fogo.

Quase que imediatamente ele tornou a incandescer alimentado pela luz e calor dos carvões ardentes em torno dele.

Quando o líder alcançou a porta para partir seu anfitrião disse:

"Obrigado. Por sua visita e pelo belíssimo sermão. Estou voltando ao convívio do grupo. Deus te abençoe!"

Reflexão:

Aos membros de um grupo vale lembrar que eles fazem parte da chama e que longe do grupo eles perdem todo o brilho.

Aos líderes vale lembrar que eles são responsáveis por manter acesa a chama de cada um e por promover a união entre todos os membros para que o fogo 

seja realmente forte eficaz e duradouro...

terça-feira, 27 de agosto de 2013

FLORES RARAS...

Por diversas vezes, eu cai e nem sempre quis me levantar.
Houve situações em que o medo foi maior,
que a dor sufocou até o meu grito.
E só por amor a vida, eu insisto.

Mas, tenho que admitir, em nenhum momento me faltou amparo.
Sempre apareceu alguém, uma notícia, um fato,
que mudou a minha história, e por isso sou grato.
Creio em anjos, creio na Divina Luz,
e sempre que tenho problemas,
não me acanho, chamo por Jesus.

Jesus que não olha para minhas mãos,
nem para os meus diplomas.
Não pergunta quanto eu tenho no banco,
nem se eu tenho razão ou não.

Apenas ampara, consola, restaura.
Me coloca em pé e pede para seguir sem olhar para trás.
Mostrando que maior que qualquer problema,
o amor de Deus é tão grande, que se espalha,
como a chuva que a todos abraça.
A rosa mais linda, a flor mais cara,
e a erva-daninha que muitos consideram uma praga.

Para Jesus, somos todos flores raras.

Paulo Roberto Gaefke

segunda-feira, 26 de agosto de 2013

...


NA MINHA ORAÇÃO...

Na minha oração cabe pedir que todos tenham mais certezas e menos dúvidas.
Na minha oração cabe pedir que todos encontrem o amor, e saibam vivê-lo intensamente. Na minha oração cabe o desejo de ver o desconhecido sendo atendido, o pobre confortado,
o doente amparado, o ausente encontrado, o viciado curado, o descrente iluminado.


Na minha oração cabe pedir por você! Para que não lhe falte a luz, mesmo em meio a trevas. Que não lhe falte forças, mesmo diante da maior montanha. Que não lhe falte sobretudo, a Perseverança; essa certeza de que Deus tudo ouve,
tudo vê e tudo providencia. Ainda que não entendamos o momento da dificuldade, ainda assim, na minha oração cabe mais um pedido, que você possa superar este momento,
e por fim, também ore  por mim. Fazendo deste mundo,
uma corrente de amor sem fim. Que assim seja.


Paulo Roberto Gaefke

sexta-feira, 23 de agosto de 2013

DESCRÉDITO...

Descrédito não é a dúvida que alguém lança contra você.
Na verdade, ele ocorre quando você deixa de acreditar no seu potencial.

Todos nós, cada um a sua maneira, tem um talento.

Cabe a você descobrir o seu e transformá-lo em pura arte.

A arte de fazer um bom café, de assar um frango, de varrer uma rua.
Quem sabe o seu talento esteja com um bisturi na mão,
ou, uma colher de pedreiro rebocando uma parede.

Não importa o que você faz, importa sim, como você faz.

Tudo começa com a boa vontade, que gera um bom trabalho,
que gera um elogio, que gera um crédito e depois a fama.
Quantos atores entraram em um filme ou novela para fazer uma "ponta",
e terminaram roubando a cena principal.

Não duvide do seu talento.


Nem deixe ninguém te colocar para baixo.
Cerque-se da certeza de que sabe fazer bem feito aquilo que gosta de fazer.
O resto é pura consequência,
porque talento e paixão juntos, sempre resultam em sucesso.
Acredite em você.

Paulo Roberto Gaefke

A PONTE DO POSSÍVEL...

Não se perca lamentando o que foi, e principalmente o que não foi.
Nem fique procurando culpados pela situação atual ou do passado.
Nada mais pode influenciar o seu futuro de maneira negativa,
do que ficar nas lembranças do passado.

Hoje é o dia certo para tomar a decisão de crescer,
de recomeçar, de reaprender a lição amorosa da vida.
- Quem se conhece e se respeita, não conhece a solidão.

Procure agora levantar tudo o que existe de melhor em você.
Junte tudo, ainda que sejam os caquinhos de um coração ferido.
Levante a cabeça, respire fundo e compreenda:
- Você é a pessoa certa para o mundo de muitas pessoas.

E nesse exato instante, em que você se levanta,
Deus levanta outra pessoa, ainda que do outro lado do mundo,
que pode precisar demais de você, da sua companhia,
da palavra doce e amiga que só você sabe dar.
E assim, entre o que você é e o que deseja ter,
Deus estabelece uma ponte do possível, e apenas lhe pede:
- Tenha forças para atravessar.
O mundo inteiro quer te abraçar.


Paulo Roberto Gaefke

FÉ...

Uma lenda nos conta que vários judeus piedosos rezavam numa sinagoga, quando – durante a oração – começaram a escutar uma voz de criança dizendo: “A,B,C,D”. Tentaram se concentrar nos versos sagrados, mas a voz repetia: “A,B,C,D”. Aos poucos, foram parando de rezar. 
Quando olharam para trás, viram um menino que continuava dizendo: “A,B,C,D”.O rabino aproximou-se do garoto: “Por que você está fazendo isto?”, perguntou.

“Porque não sei os versos sagrados”, respondeu o menino.

“Então, tenho a esperança que, recitando o alfabeto, Deus pegue estas letras e forme as palavras corretas”.

“Obrigado por esta lição”, disse o rabino para o garoto.


“Obrigado por me lembrar que Deus escuta o que vem de nosso coração, e não as palavras que saem de nossa boca”.

quinta-feira, 22 de agosto de 2013

SEJA UM VOLUNTÁRIO...

Você presta algum tipo de serviço voluntário?
Talvez você nunca tenha imaginado que um dia, ao ser entrevistado para um emprego, alguém lhe fizesse essa pergunta.
Bem, a verdade é que agora os empresários estão despertando sua consciência social.
É justamente por causa dessa preocupação cada vez maior das empresas com a comunidade a sua volta que o trabalho social está se tornando um item importante na hora de contratar um trabalhador.
Grandes empresas nacionais e multinacionais estão dando preferência a profissionais que estejam engajados em algum tipo de trabalho voluntário junto à sociedade.
Além de ser uma tomada de decisão importante, por parte de empresários, o serviço assistencial junto à comunidade valoriza o currículo de quem o pratica. E os motivos são fáceis de entender.
Primeiro, porque as empresas visam a melhoria nos serviços prestados ao cliente, e pessoas com espírito social são mais eficazes nesse particular.
Segundo, porque, se o indivíduo tem olhos para a sociedade da qual faz parte, dentro da empresa terá uma visão de conjunto capaz de abranger todo o contexto e não apenas o seu setor.
Terceiro, porque um funcionário que se preocupa com o próximo tem uma virtude importante aos olhos do patrão: a nobreza.
Quarto, se o profissional desempenha uma atividade que lhe dá prazer, ele é uma pessoa mais compreensiva e feliz, e isso faz com que seu trabalho seja efetuado tranqüilamente.
Quinto, uma pessoa que doa, voluntariamente, um pouco do seu tempo em prol de uma causa nobre, é alguém que sabe renunciar, e que, em tese, perdoa com mais facilidade criando menos problemas para si mesmo e para seus colegas.
Enfim, se fôssemos enumerar todos os motivos que tornam o currículo de um voluntário mais atraente que o de alguém que só se preocupa consigo mesmo, faltaria tempo.
No entanto, é preciso que aquele que se disponha a ser voluntário de algum serviço social, goste disso e o faça porque julga importante.
De nada vale se engajar numa tarefa dessas só para conseguir um emprego ou porque está na moda. Logo seria descoberto por lhe faltar as virtudes já citadas.
Ademais, para a pessoa seria muito desgastante fazer algo que não gosta, só para melhorar o currículo.
Se você ainda não havia pensado nisso, pense com carinho.
O que você pode fazer para melhorar o mundo a sua volta?
Se não puder fazer muito, faça pouco mas com amor e dedicação.
Se no início não conseguir fazer com amor, faça porque julga importante e necessário.
No decorrer do tempo, você estará tão envolvido com seu serviço voluntário que já não conseguirá mais viver sem praticá-lo. É só uma questão de tempo e persistência.
Se todos buscassem desenvolver esse espírito social, em pouco tempo teríamos um mundo melhor em todos os sentidos.
Você sabia?
Você sabia que a ONU - Organização das Nações Unidas conta com voluntários de muitos países?
Profissionais de várias nacionalidades unem forças para atender povos e nações necessitados. Eles impõem silêncio às eventuais divergências de suas nações, para ombrear juntos e estender as mãos a quem precisa.
São criaturas que renunciam ao próprio bem estar e à família para servir, até mesmo nas frentes de batalha, onde as guerras sangrentas dizimam vidas e matam esperanças.
Esses voluntários da paz não carregam granadas nem fuzis, não usam metralhadoras nem baionetas, não empunham espada nem punhal... Levam consigo apenas uma arma: a solidariedade.
Muitos doam mais do que a boa vontade: doam a própria vida.
E você? O que está esperando para prestar algum tipo de serviço voluntário?


Equipe de Redação do Momento Espírita, baseado em reportagem publicada no jornal Gazeta do Povo no dia 21/02/01

...


...


quarta-feira, 21 de agosto de 2013

...


CASAMENTO, MODO DE USAR:

Case-se com alguém que adore te escutar contando algo banal como o preço abusivo dos tomates, ou que entenda quando você precisar filosofar sobre os desamores de Nietzsche.

Case-se com alguém que você também adore ouvir. É fácil reconhecer uma voz com quem se deve casar; ela te tranqüiliza e ao mesmo tempo te deixa euf
órico como em sua infância, quando se ouvia o som do portão abrindo, dos pais finalmente chegando. Observe se não há desespero ou insegurança no silêncio mútuo, assim sendo, case-se.

Se aquela pessoa não te faz rir, também não serve para casar. Vai chegar a hora em que tudo o que vocês poderão fazer, é rir de si mesmos. E não há nada mais cruel do que estar em apuros com alguém sem espontaneidade, sem vida nos olhos.

Case-se com alguém cheio de defeitos, irritante que seja, mas desconfie dos perfeitinhos que não se despenteiam. Fuja de quem conta pequenas mentiras durante o dia. Observe o caráter, antes de perceber as caspas.

Case-se com alguém por quem tenha tesão. Principalmente tesão de vida. Alguém que não o peça para melhorar, que não o critique gratuitamente, alguém que simplesmente seja tão gracioso e admirável que impregne em você a vontade de ser melhor e maior, para si mesmo.

Para se casar, bastam pequenas habilidades. Certifique-se de que um dos dois sabe cumpri-las. É preciso ter quem troque lâmpadas e quem siga uma receita sem atear fogo na cozinha; é preciso ter alguém que saiba fazer massagem nos pés e alguém que saiba escolher verduras no mercado. E assim segue-se: um faz bolinho de chuva, o outro escolhe bons filmes; um pendura o quadro e o outro cuida para que não fique torto. Tem aquele que escolhe os presentes para as festas de criança e aquele que sabe furar uma parede, e só a parede por hora. Essa é uma das grandes graças da coisa toda, ter uma boa equipe de dois.

Passamos tanto tempo observando se nos encaixamos na cama, se sentimos estalinhos no beijo, se nossos signos se complementam no zodíaco, que deixamos de prestar atenção no que realmente importa; os valores. Essa palavra antiga e, hoje assustadora, nunca deveria sair de moda. Os lábios se buscam, os corpos encontram espaços, mas quando duas pessoas olham em direções diferentes, simplesmente não podem caminhar juntas. É duro, mas é a verdade.

Desta forma, esqueça todas as sugestões anteriores e guarde uma simples: antes de casar-se com alguém é preciso conhecê-lo bem, e isso é profundamente difícil quando não se conhece minimamente a si próprio. Sabendo que caminho quer trilhar, relaxe! A pessoa certa para casar certamente já o anda trilhando. Como reconhecê-la? Vocês estarão rindo. Rindo-se.

Diego Engenho Novo

sábado, 17 de agosto de 2013

ESCOLHAS SENTIMENTAIS...

Um fator que interfere nas escolhas inadequadas próprias dos que têm "dedo podre" é o erótico: os mais atraentes nem sempre são os melhores.

O erotismo é, por vezes, muito influenciado pelo desafio: o anseio de conquistar o interesse e o amor de alguém que não consegue se envolver.

As pessoas que não conseguem se envolver sentimentalmente são as que têm muito medo de sofrer em caso de ruptura: preferem ser amadas a amar.

Quem não consegue se envolver se torna um desafio para o que quer conquistá-lo: isso estimula o desejo sexual e pode ser confundido com amor.

Do ponto de vista sentimental, o desejo erótico não costuma ser um bom conselheiro: costuma privilegiar os que não serão bons companheiros!

As escolhas sentimentais legais incluem, é claro, o componente erótico. Porém, não podem excluir as afinidades de caráter, gostos, projetos...


Flávio Gikovate

MULHER...

Um homem inteligente falando das mulheres

Tenho apenas um exemplar em casa, que mantenho com muito zelo e dedicação, mas na verdade acredito que é ela quem me mantém.

Mulher vive de carinho. Dê-lhe em abundância. É coisa de homem sim, e se ela não receber de você vai pegar de outro.
Beijos matinais e um 'eu te amo’ no café da manhã as mantém viçosas e perfumadas durante todo o dia.

Flores também fazem parte de seu cardápio – mulher que não recebe flores murcha rapidamente e adquire traços masculinos como rispidez e brutalidade.

Respeite a natureza. Você não suporta TPM? Case-se com um homem.

Mulheres menstruam, choram por nada, gostam de falar do próprio dia.

Não faça sombra sobre ela. Se você quiser ser um grande homem tenha uma mulher ao seu lado, nunca atrás. Assim, quando ela brilhar, você vai pegar um bronzeado.

Porém, se ela estiver atrás, você vai levar um pé-na-bunda.
Aceite: mulheres também
têm luz própria e não dependem de nós para brilhar.

O homem sábio alimenta os potenciais da parceira e os utiliza para motivar os próprios.

Ele sabe que, preservando e cultivando a mulher, ele estará salvando a si mesmo.

É, meu amigo, se você acha que mulher é caro demais, vire gay. Só tem mulher quem pode!

Luís Fernando Veríssimo

quarta-feira, 14 de agosto de 2013

...

No amor maduro um dá ao outro a chave do próprio mundo.
Dar a chave é dar a liberdade de ir e vir, respeitando os espaços, e tendo a segurança de que, se o outro aceita essa chave, está tudo bem.
Dar a chave também é retirar-se na hora certa , não desistindo do amor, mas dando o tempo necessário para que aconteçam a redescoberta e a valorização do que sentem. Não só pelo outro, mas por si mesmos.


Aglair Grein-psicanalista

...


...

A maioria das pessoas acha que o amor nasce pronto, que é um presente do céu, um lampejo da alma, uma inspiração dos deuses, e cruzam os dedos para que "dê certo".
Depois da mágica troca de olhares, do arrepio pelo corpo, do êxtase dos primeiros toques, as coisas podem mudar de figura, quando se deparam com a outra etapa que é Viver o Amor.
Entre Sentir Amor e Viver um Amor tem uma distancia enorme.
Para viver e permanecer amando seu par, é preciso que o aceite, que o valorize, que o respeite, que dê-lhe afeto e ternura, admire-o e compreenda-o. E que sinta a reciprocidade nos cuidados.
Amar é uma capacidade e uma decisão, não só um sentimento.


Aglair Grein-psicanalista

...

As pessoas mais bonitas que encontrei são as que conheceram a derrota, o sofrimento, a luta, a perda e conseguiram sair das sombras. 
Estas pessoas possuem uma compreensão da vida que as enche de compaixão, humildade e uma autêntica disponibilidade amorosa. 
As pessoas realmente bonitas não surgem do nada.


Aglair Grein-psicanalista

...


terça-feira, 13 de agosto de 2013

CARÊNCIA...

Antes de sair comendo chocolate, por favor, leia esse texto. Se não te servir, tudo bem. Pelo menos você tentou algo novo que você pode descartar ou usar no seu dia-a-dia.

O QUE É A CARÊNCIA? A carência nada mais é do que a falta do seu “EU” presente.


DIFÍCIL DE ENTENDER?

Posso dizer então que é falta de plenitude. Que você não deve depender de ninguém nesta vida para sentir-se bem. Que você deve ser um “Häagen-Dazs” e as pessoas apenas a cobertura desse “Häagen-Dazs”.
Alimente a sua alma com coisas que lhe são relevantes! A maioria delas não depende de ninguém para ser realizada. Se fizer isso, você irá transbordar amor e todos irão querer estar perto de você!
A carência deturpa a realidade. Faz a gente confundir atenção com amor. Delegamos o nosso emocional a terceiros e nos desconectamos do nosso eu divino, que é pleno por natureza.


A minha terapeuta uma vez me perguntou:

- O mendigo é carente do que?
Eu respondi:
- De comida.
- E onde é que ele procura a comida?
- No lixo.
- É... Quando estamos carentes fazemos a mesma coisa. Procuramos pessoas dentro do primeiro lixo que aparece. Perdemos completamente o discernimento do que é bom e ruim.

Esteja bem com você mesmo de maneira INDEPENDENTE e verá como as coisas fluirão melhor na sua vida! As pessoas desejarão estar perto de você! E se não tiverem, tudo bem!


Daniel Iasi


A Häagen-Dazs é uma marca de sorvetes americana, que surgiu em 1961 pelas mãos de Reuben Mattus. Em 1983, a marca foi vendida à companhia Pillsburry, que agora é parte da General Mills. Nos Estados Unidos e no Canada, a marca é propriedade da Nestlé.

A origem do nome, ao contrário do que se pensa, não é européia. Ainda que Mattus fosse descendente de poloneses, eles se utilizaram de uma estratégia de marketing chamada "foreign branding", que prega que as pessoas costumar dar mais valor a produtos que pareçam estrangeiros. Assim, eles emprestaram de grafemas comuns a línguas escandinavas, como o "ä", as vogais duplas, o encontro de "zs" e criaram um novo nome que não significa absolutamente nada (além do nome de uma deliciosa marca de sorvetes!).
Fonte(s): wikipedia, site oficial

...


...


segunda-feira, 5 de agosto de 2013

FELIZ POR NADA...

"A vida não é um questionário de Proust. Você não precisa ter que responder ao mundo quais são suas qualidades, sua cor preferida, seu prato favorito, que bicho seria. Que mania de se autoconhecer. Chega de se autoconhecer. Você é o que é, um imperfeito bem-intencionado e que muda de opinião sem a menor culpa.
Ser feliz por nada talvez seja isso."

Martha Medeiros

NÃO SE ESQUEÇA!

De qualquer forma, não esqueça das seguintes verdades: Não faça nada que não te deixe em paz consigo mesma; cuidado com o que anda desabafando; conte até três; antes só do que muito acompanhado; esperar não significa inércia, muito menos desinteresse; renunciar não quer dizer que não ame; abrir mão não quer dizer que não queira. O tempo ensina, mas não cura.

Martha Medeiros

quinta-feira, 1 de agosto de 2013

OS DEGRAUS DA VIDA...

Às vezes, tudo o que precisamos é subir um degrau acima da mediocridade,
dos que acreditam apenas na maldade humana,
na necessidade da dor e do sofrimento.
Subir um degrau na escada da evolução da vida, é ver o mundo com outros olhos.
  • É ver possibilidades no impossível,
  • soluções na ausência de respostas,
  • possibilidades onde todos pararam.
  • remover barreiras que paralisam.
  • Não se detenha diante dos problemas.
  • Olhe por cima deles.
  • Busque um novo rumo.
Você pode ser um engenheiro frustrado que adora fazer cupcakes.
Um médico desanimado que adora jardinagem.
Uma servente que sabe fazer o melhor café do mundo.
Invista no seu talento e suba um degrau além das suas expectativas.

O mundo precisa de gente bem resolvida,
que se ama e acredita na Conquista.
O mundo precisa de você motivado,
de bem com a Vida.


Paulo Roberto Gaefke

DO AMOR...

O amor tem que dar prazer.
E para dar prazer tem que ser seguro. Estável. Não sinto prazer na incerteza do que pode faltar a qualquer instante.
O amor tem que ser leve, e para ser leve tem que ser alegre. 
Íntimo, já que eu não suporto as formalidades, as reverências, as mentiras.
 
Para ser íntimo tem que ser entregue, aberto, confiante. Não confio no que tenho medo.
Então o amor tem que ser cúmplice, reconfortante.
 
Não entrego meu afeto a quem possa me punir pelas minhas fraquezas.
 
Tem que ser condescendente, compreensivo. Eu não poderia estar eternamente maquiada para esconder a pele imperfeita.
O amor tem que encher o peito da gente de uma tranquilidade constante. Já são tantas as ansiedades e aflições de todo o resto... 
O amor tem que aguentar os tempos das desavenças, os ciúmes, as implicâncias, as indiferenças, o cansaço, o frio no coração, o mau humor, as imperfeições, os desajustes.
 
O amor tem que aguentar o desamor.
 

Mesmo que não dê prazer.
Ocorreu um erro neste gadget