Páginas

domingo, 12 de janeiro de 2014

Filme: MINHA MÃE É UMA PEÇA...

BEM NO FUNDO...

No fundo, no fundo, 
a gente gostaria
de ver nossos problemas
resolvidos por decreto


aquela mágoa sem remédio
é considerada nula
e sobre ela — silêncio perpétuo


maldito seja que olhas pra trás,
lá pra trás não há nada,
e nada mais
problemas têm família grande,
e aos domingos saem todos a passear
o problema, sua senhora
e outros pequenos probleminhas.


bem lá no fundo, 
a partir desta data, 
extinto por lei todo o remorso, 
mas problemas não se resolvem, 

Paulo Leminski Filho (Curitiba, 24 de agosto de 1944 - Curitiba, 7 de junho de 1989) - Além de poeta, foi escritor, tradutor e professor. Foi também um grande biógrafo, tendo escrito as biografias de nomes como Cruz e Sousa, Edgar Allan Poe e Trotski. Leminski também escreveu letras de música em parcerias com Caetano Veloso e o grupo A Cor do Som. O poeta era faixa preta de Judô

quinta-feira, 9 de janeiro de 2014

PORQUE UM DIA DESCOBRIMOS NOSSO VALOR...

O prazer de uma conquista pessoal é tão incrível,
que não existem palavras ou adjetivos para definir esse sentimento.
Pode ser uma coisa muito simples para uns,
ou algo grandioso, aos olhos dos outros, 
e isso não importa para quem realiza um sonho.
O que importa é saber naquele exato instante que você pode!
E na maioria das vezes, descobrimos que podemos muito mais.
Então, emagrecer, correr uma maratona, andar de bicicleta, passear de patins ou skate torna-se algo tão maravilhosamente fácil,
que acaba abrindo portas para novas conquistas.

Por isso, não desista de nada, muito menos de você.
Você tem jeito, você tem cura, você tem solução.
"Talvez haja apenas uma brecha no tempo em que isso vai se realizar,
e o tempo em que você espera conquistar."
As vezes a impaciência gera uma frustração tão grande,
que nos faz desistir e pior: acreditar que não somos capazes.
Não se torture, acredite que somos feitos para vencer.
Que o mundo pode até ser cruel, mas é só uma volta,
um giro que a Terra faz sobre si mesma e pronto, ganhamos um novo dia.
Uma nova chance, a oportunidade bendita de recomeçar e sorrir.
Afinal de contas, você é mais do que especial,
é ESSENCIAL!


Paulo Roberto Gaefke
Ocorreu um erro neste gadget