Páginas

quarta-feira, 29 de abril de 2009

QUESTIONE-SE...


Quando tudo for um turbilhão de problemas, e você quiser apenas fugir, subir a montanha, virar ermitão no meio do nada, é este o momento de parar.
"É o momento em que a vida pede uma resposta, cobra uma solução para o que você anda deixando de lado,
aquilo que te incomoda e você não cuida!"
Pode ser o amor que anda desgastado, a família que está virando um peso, o trabalho que está além das suas forças,
a falta de oportunidades que te emperra.
Em todos esses casos, há uma só solução: entender o "pra quê"?
Normalmente entendemos o porque estamos fazendo isso, porque andamos por ali, porque queremos ficar com essa pessoa, mas você já se perguntou pra quê?
As vezes a resposta é tão cruel aos olhos dos outros, e até surpreendente para você mesmo, que não queremos a resposta.
Estamos acostumados a não nos questionar.
"Acreditamos no que acreditamos" e vamos "tocando a boiada" Por isso, se a vida está te encurralando,
questione-se: pra quê estou vivendo essa situação?
Pra quê estou correndo, comendo, gastando, fumando, bebendo tanto?
Vai, tome coragem!
Pergunte-se no espelho, olho no olho, frente a frente, você e você, e não tenha medo de mudar, a vida vive em eterna mudança, até as pedras rolam.
Pergunte-se então: por que não eu?
Mude!
Paulo Roberto Gaefke

Nenhum comentário:

Ocorreu um erro neste gadget