Páginas

quarta-feira, 3 de junho de 2009

O GRANDE BARATO...


Não é para falar de tristezas, nem comentar sobre doenças.
A idéia não é fugir da vida, nem se esconder do mundo, o grande barato da vida está em viver um dia de cada vez.
Parece até simplório, fácil demais, mas não é bem assim.
Você sabe que "existem tempos" em que viver é difícil, momentos em que não sabemos nem para onde ir.
Por isso, por todas as dificuldades que se apresentam, pela quantidade de coisas "urgentes" que arrumamos, pela imensidão de contratos e compromissos, pelos pagamentos que temos que fazer, por tudo e por todos, respeite-se!
Respeite seus limites, imponha regras duras.
Preocupe-se com os seus problemas, resolva-os, e somente depois, tente ajudar a resolver os dos outros.
Que adianta ir varrer a casa da comadre Chiquinha, se a sua está de "pernas para o ar"?
A felicidade continua no lugar onde nós a colocamos.
Nem mais longe, nem mais perto, exatamente onde determinamos.
Por isso, não se afaste dela, não crie sonhos impossíveis.
Fique na simplicidade do arroz com feijão, bem temperados, com cheiro de refeição, e Deus, na sua infinita Sabedoria e Misericórdia, proverá todo o restante.
Porque para Deus, você ainda é o mais importante!
Paulo Roberto Gaefke

Nenhum comentário:

Ocorreu um erro neste gadget