Páginas

sexta-feira, 7 de agosto de 2009

LIBERDADE DE ESCOLHAS...


Sim, você pode ir para qualquer lugar.
Desde que se proponha realmente a chegar lá.
Você pode aceitar uma proposta de emprego, pode começar um pequeno comércio, quem sabe, inaugurar um novo tipo de indústria.
Você pode ainda, infelizmente, sentar e não fazer nada.
Tudo faz parte do seu direito de escolha.

Liberdade para pensar e plantar, liberdade para lançar sementes e semear, tudo é livre, menos a colheita, pois essa é obrigatória.
É a Lei Maior da Vida:
-você colhe o que plantar.

Por isso, antes de reclamar do dia, pense bem nas vantagens de cada situação.
Mesmo a dor mais profunda possui ensinamentos, e dela podemos retirar motivação para o resto dos nossos dias.

Existem coisas que podemos evitar, ótimo, evite-as, mas existem aquelas que nem podemos explicar,
acontecem e não têm aparentemente uma razão.
Então, resta o silenciar, o deixar o tempo passar, seguir trabalhando, lutando, para quem sabe, um dia entender que tudo faz parte de uma dinâmica.
Da nossa experiência com a liberdade, que somos livres, ninguém é de ninguém, e assim, a nossa história é única,
assim como a liberdade que dispomos.

Aproveite a sua liberdade para plantar novas sementes, fazer um novo curso, adotar uma criança, um animalzinho,
doar sangue, doar órgãos, doar amor.
Nada muda alguém tão profundamente quanto o amor.
Amor e liberdade, com responsabilidade, representam a vida, são a própria eternidade.
Paulo Roberto Gaefke

Nenhum comentário:

Ocorreu um erro neste gadget