Páginas

terça-feira, 15 de setembro de 2009

NOS DETALHES...


Eu me descubro nos detalhes, na importância que dou, ou deixo de dar para fatos, pessoas, para a própria vida que insiste em bater à minha porta.
Eu me revelo nos detalhes, do que faço, ou deixo de fazer por mim e pelos outros.
Eu me escondo nos detalhes, do que tenho medo, daquilo que eu fujo, do que não encontro em mim.
Eu me excedo nos detalhes, da perfeição que espero em mim e nos outros.
Eu me encontro nos detalhes, e me perco em minúcias, em exageros bobos.
Eu choro nos detalhes, das coisas bobas que eu esperava e não aconteceram.
Eu me revolto nos detalhes, pela ansiedade de querer ser o que eu não sou, ter o que ainda não tenho,
possuir o que nem sei se será possível.
Eu me perdôo nos detalhes, para poder seguir em frente, recomeçar.
Eu sofro nos detalhes, e pode não parecer, mas são eles que realmente importam.
O detalhe da vida é a sua própria essência, o detalhe é Deus que se revela em mim, nos detalhes que habitam em meu ser, na minha capacidade de amar, de querer ser feliz.
Isto é Deus em mim, e se sou assim, deve ter um detalhe que me escapa, um sentido em estar aqui...
Eu me vejo em detalhes, quando me encontro com você, ao ver nos teus olhos, o meu reflexo, parte de mim que habita no próximo.
Somos tão diferentes e tão iguais, detalhes tão pequenos de todos nós, que se encontram e formam essa grande família.
Família divina do eu, você, ele, nós, tal e qual, frutos maduros do grande amor do Pai, amor universal, amor sem igual. Paulo Roberto Gaefke

Nenhum comentário:

Ocorreu um erro neste gadget