Páginas

sexta-feira, 22 de janeiro de 2010

RESPIRE FUNDO!


Respire fundo!
Agora solte o ar.

É o tempo exato de brecar a ação e pensar.
Estamos na era da correria.
Tudo é para "ontem de manhã".
O papel, o documento,
a viagem, o passeio, o relacionamento,
o sexo, a conversa, a risada,
tudo tem que ser rápido,
transparente como filme plástico.
As vezes contido, escondido, drástico...

Respire fundo!
Antes de reclamar do motorista ao lado.
Antes de gritar com os filhos que não param de brincar.
Antes de falar uma palavra que possa machucar.
Antes que o seu coração saia pela boca.
Antes que a vida toda se perca no seu falar.
Agora é preciso respirar...

O tempo está sempre onde deveria estar!
Não acredite que o tempo passou rápido demais,
é você quem está deixando-o escorrer pelos dedos.

As oportunidades vão passando, como numa tela gigante.
O bebe já cresceu e você perdeu.
O amor já morreu e você nem percebeu.
O cabelo está branqueando, e você vai pintando.
Pensamos que vivemos, e vamos nos enganando...

Respire fundo!

Abrace-se demoradamente...
Repita baixinho:
- eu vou cada vez melhor!
- eu tenho tempo para ser feliz, fazer o que gosto,
abraçar quem eu amo.
- Eu me abraço, eu me amo.
- Abraço o mundo inteiro na minha consciência,
me encho de amor e paciência.

Solte o ar, você recobrou o poder de amar!

(PS: repasse para os amigos que andam estressados demais)
Paulo Roberto Gaefke

Nenhum comentário:

Ocorreu um erro neste gadget