Páginas

terça-feira, 22 de fevereiro de 2011

PENSAMENTOS DE SAUDADES...

De repente bate aqui uma saudade;
De falar contigo, sinto muita vontade,
De ouvir tua voz, e estar em algum lugar
Onde também tu fiques sozinho a esperar!
De repente, hoje abandonaria isto tudo,
Sairia correndo e cairia nos teus braços!
Só Deus conhece a força que faço
Para fazer deste, um sentimento mudo!
Como são longas estas tristes horas!
Como são longos os dias e esperas!
Meu Deus! Quanto tempo ainda demoras,
Para finalmente entregar vida a este amor?
Tu, que colocaste o tempo entre o sol e a lua,
Que inspiraste os inventos e os ponteiros,
Não pensaste no quanto eram certeiros
Os minutos que nos matam nesta espera nua?

Neuza Maria Spinola

Nenhum comentário:

Ocorreu um erro neste gadget