Páginas

quinta-feira, 12 de setembro de 2013

A MAIOR CARÊNCIA...

Procura-se alguém para receber todo o amor guardado há muito tempo em mim.

Amor genuíno, autêntico, pura energia saudável, toques e carícias sutis, intensas e cheias de alma.

Procura-se alguém que saiba e goste de receber amor. Alguém que se sinta à vontade com isso, que se permita ser tocado no corpo e na alma num só ato.

Procura-se urgentemente alguém que saiba o que é adoecer por não ter para quem doar o seu amor.

Não precisa retribuir, basta receber o meu amor por todo o corpo e no fundo do coração. Ele é terno, suave e verdadeiro.

Se você se interessar é só me procurar em silêncio. Ninguém precisa saber. Você me encontra fácil, espero. 

Eu moro em você, no seu peito asfixiado, agoniado, esquecido e abandonado porque você me conhece pelo nome de fragilidade, mas na verdade eu sou apenas mais um ser humano comum.

Eu sou você.

Se você topar receber esse amor, pode me aceitar sem medo e sem vergonha alguma, afinal autoestima não é pecado, não mata, nem adoece. Abandono sim.

Eu sou você dizendo que te amo e tenho guardado todo o amor do mundo para te dar!

Se você receber o meu amor eu prometo te compensar com saúde, felicidade, paz de espírito, prosperidade e muita alegria!

Por que já não serei mais aquela melhor parte de você, esquecida em você, que você renega por medo de se amar e de ser feliz. 

Foco no afeto!

Nenhum comentário:

Ocorreu um erro neste gadget