Páginas

sábado, 31 de julho de 2010

CERTO OU ERRADO?


Um adulto e uma criança têm necessidades diferentes, qual está certo e qual está errado?
Um engenheiro e um carpinteiro usam materiais diferentes, qual está certo e qual está errado?
Homens e mulheres têm preferências diferentes, qual deles está certo ou errado?
Eu gosto de limão e você de laranja, qual de nós está certo ou errado?
Assim, nós, seres humanos, somos diferentes uns dos outros e qual de nós está certo ou errado?
Muitas vezes, julgamos o nosso próximo baseado no que achamos ser certo ou errado para nós, nos esquecendo que a nossa visão é reduzida as nossas próprias percepções, preferências e experiências.
Que possamos olhar os outros como “diferentes” e não como “iguais” entendendo que cada ser humano é um universo particular.
Que possamos ser um bálsamo a todos aqueles que cruzam nossos caminhos, aceitando mais, compreendendo melhor e respeitando indistintamente o outro como ele é.
Com esse entendimento, poderemos aceitar e respeitar a todos os que nos rodeiam, julgar menos e ser mais feliz.

Karin Izumi

Nenhum comentário:

Ocorreu um erro neste gadget